Nome científico:

Noctua pronuba (Linnaeus, 1758)

Família:
Noctuidae

 

 

Ovo: globular, fortemente enervado, e reticulado. Cor branco pálido aquando da postura, tornando-se rosado a acinzentado. São postos em grandes quantidades em placas, normalmente às centenas. Adulto: asas anteriores compridas, estreitas e arredondadas; coloração variável indo do castanho, castanho-avermelhado ao castanho escuro, com pequena mancha negra próximo margem distal; asas posteriores sempre de cor amarelo-alaranjado com estreita faixa marginal negra.

Envergadura: 50 – 62 mm.

 

Habitat e Ecologia

Encontra-se em todos os tipos de habitats, desde jardins, prados a florestas, charnecas. A lagarta é polífaga, alimentando-se de várias espécies de gramíneas e herbáceas, desde plantas espontâneas a cultivadas e também plantas infestantes. A lagarta alimenta-se durante a noite e esconde-se no solo durante o dia. Hiberna no solo durante o Inverno e pupa na primavera.

 

Período favorável à observação

Espécie univoltina. Os adultos são abundantes nos meses de abril, maio e outubro. Fazem pausa estival.

 

Observações

Adultos são atraídos em grandes quantidades pela luz.

 

Distribuição

Espécie comum, euroasiática, amplamente distribuída em toda a Europa ocidental, N de Africa, Islândia, Escandinávia central.